Morre o cardeal mexicano Sergio Obeso Rivera.

O cardeal Obeso Rivera não era eleitor. Com a sua morte, o Colégio Cardinalício fica assim composto: 216 cardeais, dos quais 119 eleitores, 97 não eleitores.

O Colégio dos Cardeais perdeu um integrante: faleceu na noite de domingo (11/08), no México, o card. Sergio Obeso Rivera, arcebispo emérito de Jalapa, aos 86 anos. As exéquias serão celebradas na terça-feira (13/08) na Catedral de Jalapa, onde seu corpo será sepultado.

O cardeal mexicano nasceu em Jalapa em 31 de outubro de 1931. Foi ordenado sacerdote no México em 1954 depois do doutorado na Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma. A ordenação episcopal foi em 30 de abril de 1971, designado para a diocese de Papantla. Três anos depois foi nomeado coadjutor de Xalapa, tornando-se arcebispo desta cidade em 1979. Foi presidente da Conferência Episcopal Mexicana por três mandatos. Em 2007, Bento XVI aceitou sua renúncia por limite de idade e foi criado cardeal pelo Papa Francisco no Consistório de 28 de junho de 2018.

Entrega generosa

A Conferência Episcopal Mexicana divulgou um comunicado lamentando a morte do cardeal. “Reconhecemos sua entrega generosa à Igreja que peregrina em nosso país”, escreve a presidência dos bispos, destacando sua participação nas negociações de paz e reconciliação dos Acordos de Santo André e seus esforços para o restabelecimento das relações entre o Estado mexicano e a Santa Sé.

O cardeal Obeso Rivera não era eleitor. Com a sua morte, o Colégio Cardinalício fica assim composto: 216 cardeais, dos quais 119 eleitores, 97 não eleitores.

 
Indique a um amigo
 
 
Notícias relacionadas