Mas afinal, como transformar a dor em Amor?

Como podemos encontrar o sentido no sofrimento humano?

O sofrimento do tempo presente não tem proporção com a glória que há de ser manifestada em nós, é o que nos ensina São Paulo em Romanos 8, 18-26.

De fato estamos sofrendo. Este tempo de distanciamento social tem sido desafiante para todos nós. Sem negar o sofrimento, meu e teu, São Paulo vem nos animar: estamos sendo preparados para a manifestação de Cristo em nós. O próprio Senhor está preparando o terreno dos nossos corações. Ele mesmo está arrancando os espinhos; está revirando a terra, está adubando. Está nos preparando para darmos frutos de uma fé mais madura, está fortalecendo a nossa fé.

Sabemos também que mesmo em meio a dor devemos lançar as sementes com largueza, com generosidade, em todos os terrenos, na esperança que é Deus quem faz crescer. Meus irmãos, o sofrimento do tempo presente não tem comparação com a glória que há de ser manifestada em nós. 

E como você tem respondido a esse tempo? Você tem conseguido transformar sua Dor em Amor? Tem clamado à graça de Deus? Como anda a sua Esperança em Deus?

Que Deus nos ajude a sermos dóceis para viver a Caridade e buscar as virtudes. E que a esperança nos sustente e nos faça crescer e frutificar.

Vem Espírito Santo! Vem fortalecer nossa fé! Vem nos elevar a caridade perfeita! Vem fazer frutificar em nós: uns 100, outros 60, outros 30!





 
Indique a um amigo
 
 
VEJA MAIS FORMAÇÕES