Conheça a história de Santa Cla.ra de Assis, Padroeira da Televisão

Conheça a belíssima história de vida e doação de uma linda flor que foi plantada no jardim do Céu e que por onde passou espalhou os perfumes de Deus e contagiou a todos com sua fé, docilidade e coragem.

Santa Clara nasceu em Assis (Itália), no dia 16 de julho de 1193 e foi batizada com o nome de Chiara d’Offreducci. Pertencia a uma família nobre e era dotada de grande beleza. Muito cedo chamou atenção pela sua caridade e carinho com os mais necessitados.

O encontro de Clara e Francisco

A sua vida ganhou um novo sentido ao deparar-se com o modo de vida de Francisco de Assis, um jovem que vivia a pobreza evangélica na sua radicalidade, o que a fez tomar a firme decisão de segui-lo.

Clara teve que enfrentar sua família, que tinha outros planos para o seu futuro e pretendiam arranjar-lhe um casamento promissor, mas a jovem  abandonou tudo para seguir Jesus radicalmente aos moldes de Francisco de Assis.

Tempos depois Clara fundou o ramo feminino da Ordem Franciscana, sendo conhecidas posteriormente como “Clarissas”.

Curiosidades

Suas irmãs Catarina e Beatriz, juntamente com sua mãe, após esta ficar viúva, também entraram para o convento.

Fugiu junto com sua amiga Felipa de Guelfuccio, para encontrar São Francisco de Assis, na Porciúncula (na capelinha de Santa Maria dos Anjos, onde nasceu a ordem dos Franciscanos e a ordem de Santa Clara), onde ele já a esperava para fazer os seus primeiros votos. O próprio Francisco cortou os seus cabelos, como sinal do voto de pobreza.

Clara foi a primeira mulher na história da Igreja que compôs uma regra escrita, submetida à aprovação do Papa, para que o carisma de Francisco de Assis fosse conservado em todas as comunidades femininas.

Dois anos após a sua morte foi proclamada santa Clara de Assis, pelo Papa Alexandre IV.

Os Milagres

O seu primeiro milagre ocorreu ainda em vida, demonstrando a sua grande fé. Conta-se que certa vez as irmãs, que já eram mais de 50, não tinham o que comer. Então, a irmã cozinheira chegou desesperada e disse a Santa Clara que havia somente um pão na cozinha. Santa Clara disse a ela: confie em Deus e divida o pão em 50 pedaços. A irmã cozinheira, mesmo sem entender, obedeceu e de repente, dezenas de pães apareceram na cozinha e as irmãs conseguiram se sustentar por vários dias.

Em outra ocasião, durante a invasão de Assis pelos sarracenos, Santa Clara apanhou o ostensório com Santíssimo Sacramento e os enfrentou, dizendo que Jesus Cristo era mais forte que eles. Os invasores, tomados por inexplicável pânico, fugiram. Por este milagre Santa Clara é representada segurando o Ostensório na mão.

Um ano antes de Santa Clara de Assis falecer, em 11 de agosto de 1253, ela queria muito ir a uma missa na Igreja de São Francisco (já falecido). Não tendo condições de ir por estar doente, entrou em oração e conseguiu assistir toda a celebração sem precisar sair do seu leito no convento. Assim, pelo fato de Santa Clara ter assistido a uma celebração à distância, em 14 de fevereiro de 1958, o Papa Pio XII proclamou oficialmente Santa Clara de Assis como a padroeira da televisão.

Santa Clara de Assis, rogai por nós!

 
Indique a um amigo
 
 
VEJA MAIS FORMAÇÕES